Pesquisar este blog

A PARTIR DE AGORA AS NOTÍCIAS ESTÃO AQUI NO SITE DJ AILDO CLIC E SERÁ DIRECIONADO.

A PARTIR DE AGORA AS NOTÍCIAS ESTÃO AQUI NO SITE DJ AILDO CLIC E SERÁ DIRECIONADO.
NOTÍCIAS COM CREDIBILIDADE

quinta-feira, 19 de maio de 2016

“Jamais deixarão de existir fugas”, afirma novo titular da Sejuc

Foto: Reprodução

Em estado de calamidade pública, o sistema prisional do Rio Grande do Norte receberá novas medidas a partir da chegada do delegado Walber Virgolino na Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania (Sejuc). Assumindo o lugar de Cristiano Feitosa, que agora comanda a Secretaria de Administração e Recursos Humanos (Searh), o paraibano disse conhecer a realidade complicada que vive o sistema e garantiu todos os esforços para melhorar a situação, mas elencou fatores que contribuem para o caos que já está instalado no RN.
“O sistema prisional é sinônimo de tensão. Jamais deixarão de existir fugas, mortes, motins e rebeliões, porque são pessoas perigosas que estão lá dentro. O sistema daqui sofre descaso há 20 anos e quem está pagando o preço é o atual governador, além da sociedade como um todo. A missão do poder executivo é melhorar essa situação. Tomaremos medidas urgentes para tentar amenizar essas fugas no Estado”, afirmou o novo secretário em entrevista à InterTV Cabugi.
Questionado sobre se a cogestão de presídios seria uma das saídas viáveis para o fim da calamidade no sistema prisional, Walber disse partilhar da possibilidade, mas com ressalvas: “O governo do RN tem este objetivo. Eu particularmente não concordo que todo o sistema seja privatizado, mas sei que algumas penitenciarias podem ser modelos com uma gestão desse tipo. É uma bandeira do governador Robinson e por ser dele eu também apoio”, completou.
Somente em 2016, 205 presos conseguiram fugir de unidades prisionais no Rio Grande do Norte. O número bate qualquer outra estatística já registrada no Estado em anos anteriores.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Translate

VISITAS FEITAS