terça-feira, 16 de setembro de 2014

Operadora TIM sem funcionar a cinco dias em Cerro Corá/RN, clientes procurem o procom


Polícia Rodoviária Federal recolhe cavaletes com propaganda de políticos em cidade do RN

No início da tarde desta terça-feira (16) a PRF recolheu todos os cavaletes e bandeiras que estavam as margens da BR, no perímetro urbano de Currais Novos.

Segundo a PRF, o motivo da retirada dos cavaletes e bandeiras foi por causa da poluição visual, que estava tirando a atenção dos motoristas. Fonte: Blog do Jean Souza

Lula afirma que Marina quer “terceirizar” a Presidência da República

20140916153412_capa
Em tom de campanha e de crítica à candidata Marina Silva, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou às origens e se juntou, em um ato em frente à sede da Petrobras, no centro do Rio, a petroleiros e outros sindicalistas para defender o pré-sal contra o que consideram ataques da oposição. Apesar de dizer que não desejava criticar a ex-colega de partido, Lula atacou o programa de governo da candidata do PSB e afirmou que, se fosse ela, “proibia seus economistas de falar, porque cada um fala mais bobagem que o outro”.
Disse ainda que Marina pretende terceirizar o papel de presidente. “Se tem uma coisa que você não pode terceirizar é o cargo de presidente da República. Este é um cargo que você não pode terceirizar. Ou você assume ou não assume. Esse negócio de pedir para cada um falar um pedacinho das coisas que estão acontecendo neste país não dá certo. Afinal, este país não é uma colcha de retalhos que pode ser subdividido. Eu, se fosse a candidata que faz oposição a Dilma, proibiria seus economistas de falar, porque cada um fala mais bobagem que o outro. E o que pode acontecer é que o programa de governo possa ser feito a 500 mãos, menos as dela (de Marina).”
Lula, em seus breve discurso, minimizou as denúncias de corrupção na empresa e criticou a CPI que investiga a estatal. De acordo com o ex-presidente, a instalação dessas comissões visa “achacar empresários”.
“No pré-sal, já houve três pedidos de CPI só na Petrobras. Eu tenho a impressão que essas pessoas (parlamentares) pedem CPI para, depois, os empresários correrem atrás delas e achacarem esses empresários para ganhar dinheiro. Os milhares de trabalhadores dessa empresa não podem ser confundidos com alguém que porventura possa ter cometido um erro qualquer. Se alguém praticou erro, se alguém roubou, esse alguém tem mais é que ser investigado, ser julgado. Se for culpado, tem que ir para a cadeia, e o povo da Petrobras tem que ter orgulho de vestir essa camisa.”
Cerca de mil pessoas acompanhavam fala de Lula, segundo a PM. O ato começou com 300 pessoas na Cinelândia e foi ganhando adesão ao longo do percurso. Os organizadores estimaram em 6 mil o público.
Greve todo dia
Um dos líderes nacionais do MST, João Pedro Stedile, fez duras críticas à candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, durante ato em defesa da exploração do pré-sal. Para o líder da via campesina, Marina vai entregar a Petrobras para a iniciativa privada e não investirá no pré-sal, caso seja eleita.”Vamos estar todos os dias aqui em protesto (se Marina ganhar)”, disse Stedile.
Fonte: O Povo/ Agência Folhapress

Entidades de imprensa repudiam decisão que mandou recolher ‘Isto É’

Entidades representativas do setor de imprensa criticaram nesta terça-feira (16) a decisão da Justiça do Ceará que determinou a retirada de circulação, em todo o país, da edição desta semana da revista “IstoÉ”.
A decisão liminar (provisória) da juíza Maria Queiroz, da 3ª Vara de Família de Fortaleza, atendeu a um pedido do governador do Estado, Cid Gomes (Pros).
Advogados do governador apontaram dano moral em reportagem da revista que citou Cid como um dos políticos mencionados pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa como participante de um suposto esquema de corrupção na estatal.
A Fenaj (Federação Nacional dos Jornalistas) criticou manifestações do Judiciário que inviabilizam a liberdade de expressão, e defendeu mudanças na Lei de Imprensa para impedir ações que prejudiquem o exercício do bom jornalismo.
“Lamentamos esse momento que vivemos no país, em que juízes de primeira instância arbitram sobre o material publicado de conteúdo jornalístico”, disse José Carlos Torves, diretor institucional da federação.
O presidente da ABI (Associação Brasileira de Imprensa), Tarcísio Holanda, classificou a decisão como “arbitrária” e “antidemocrática”. “Atenta contra o jornalismo e instaura uma censura prévia, que não condiz com os preceitos de democracia que regem o Brasil”, afirmou Holanda.
A ANJ (Associação Nacional de Jornais) já havia se manifestado sobre o caso e descreveu a decisão como “absurda” e “lamentável”. A Aner (Associação Nacional de Editores de Revistas) apontou “desrespeito à Constituição” com “prejuízos claros para o leitor e a sociedade em geral”.
O advogado Alexandre Fidalgo, da Três Editorial, responsável pela revista “IstoÉ”, afirmou que a editora irá recorrer ainda nesta semana da decisão.
Fidalgo disse que a editora já excluiu o conteúdo da “Isto É” desta semana do site da publicação e está organizando a retirada das edições das bancas. “É uma operação complexa de distribuição, pois envolve todos os Estados do país. Mas já priorizamos isso.”
A multa fixada pela Justiça cearense em caso de descumprimento da decisão é de R$ 5 milhões por dia. O processo corre em segredo de Justiça –o argumento da juíza do caso é que o depoimento de Paulo Roberto Costa também está protegido por sigilo judicial.
O governador Cid Gomes não quis se manifestar nesta terça sobre o caso e a repercussão da decisão. Afirmou, por meio de assessoria, que já se manifestou em nota nesta segunda (15).
No comunicado, Cid disse que a revista traz “clara armação criada por adversários” para desgastá-lo durante a disputa eleitoral. Afirmou que a publicação repete prática “imunda” de publicar “invenções” que já tiveram como alvo o ex-ministro Ciro Gomes (Pros), seu irmão.
Cid negou ter mantido negociações com o ex-diretor da Petrobras e afirmou que seu relacionamento com a estatal sempre foi institucional.
ESGOTADA NAS BANCAS
Em seis bancas de Fortaleza consultadas pela reportagem nesta terça, a edição da “Isto É” já havia se esgotado no domingo (14), antes de a editora começar a retirá-la de circulação.
Uma funcionária de uma banca no centro da cidade disse que “todo mundo” estava procurando a publicação.
Folha Press

Sentença define medidas para a construção de parques eólicos no Seridó

Sentença do juiz Marcus Vinícius Pereira Júnior, titular da Comarca de Currais Novos, definiu que a continuidade das obras de construção de parques eólicos no município de Lagoa Nova, na região do Seridó, dependerá do estabelecimento de medidas protetivas. O caso envolve um conflito entre as empresas Gestamp Eólica Lagoa Nova S/A e Gestamp Eólica Serra de Santana S/A e três entidades rurais localizadas naquele município.
Segundo a Associação do Projeto de Assentamento de Reforma Agrária de Santana, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Rio Grande do Norte (FETARN), bem como argumenta o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Lagoa Nova (STR), os caminhões de propriedade das partes autoras "levantam muita poeira" durante a passagem para os Parques Eólicos, o que tem ocasionado danos aos agricultores do Assentamento Santana, na medida em que a "poeira levantada" suja todas as plantações cultivadas nos lotes "colados" com a estrada, prejudicando, também, a saúde dos agricultores.

Aécio foca na defesa da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos de idade


aecio caminhadali
BERNARDO CARAM - ESTADÃO CONTEÚDO
Enquanto Dilma Rousseff e Marina Silva elencaram propostas distintas para tratar no horário eleitoral gratuito transmitido na manhã desta terça-feira pelas emissoras de rádio, Aécio Neves focou na defesa da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos de idade. Ao afirmar que o atual governo não toma para si as responsabilidades em relação à segurança pública, o candidato do PSDB explicou o projeto de lei que tramita no Congresso, apresentado pelo vice de sua chapa, senador Aloysio Nunes. "Vamos reformar o Código Penal", disse Aécio, sobre a redução da maioridade penal.
No programa, Aloysio usou como exemplo o caso de um jovem de 17 anos que matou a namorada, filmou o crime e postou na internet. Segundo ele, o jovem ficará no máximo três anos em instituição socioeducativa. "No caso dos crimes hediondos, queremos que, a partir dos 16 anos, o jovem seja julgado como adulto", disse o senador.
A propaganda de Aécio novamente associou Marina Silva ao PT de forma negativa. Um locutor afirmou que ela foi fundadora do partido, ministra do governo Lula, lembrou que ela continuou no cargo durante a crise do mensalão e disse que ela está no PSB, partido que recentemente deixou a base aliada do governo.
A candidata do PT, Dilma Rousseff, por sua vez, usou o tempo de rádio para falar de educação, saúde e internet banda larga. A atual presidente disse que a prioridade é a educação, com foco no ensino básico. Um locutor apresentou dados do governo do PT nessa área. "Dilma e Lula criaram 18 universidades federais e 422 escolas técnicas, mais que os governos anteriores somados", disse.

IBERÊ FERREIRA: deixou 40 anos de vída pública

Iberê Ferreira iniciou sua carreira política em 1970, ao lado de Henrique Alves, numa dobradinha estadual e federal.
Em 1974, Iberê foi novamente eleito pelo MDB, numa dobradinha com Henrique e Agenor Maria. Na época, Agenor foi eleito pela primeira vez Senador da República.
Em 1982 foi eleito suplente de deputado federal pelo PDS, sendo efetivado posteriormente.
Filiou-se ao PFL e foi reeleito deputado federal pelo partido em 1986, 1990 e 1994.
Migrou para o PPB e novamente foi reeleito deputado federal em 1998, sendo reeleito em 2002 pelo PTB.
Em 2006 foi eleito vice-governador do estado pelo PSB no governo Wilma. Em 2010 assumiu o comando do governo do estado em 31 de março de 2010 mediante a renúncia de Wilma de Faria para disputar o pleito de 2010. Iberê Ferreira disputou a reeleição para o cargo, mas perdeu a eleição.
Iberê ainda foi secretário de estado dos governos Lavoisier Maia, José Agripino, Garibaldi Alves e Wilma de Faria.

Santinho de 1970, dobradinha Iberê e Henrique.
Santinho de 1970, dobradinha Iberê e Henrique.
Santinho de 1974, numa dobradinha com Agenor Maria e Henrique Alves.
Santinho de 1974, numa dobradinha com Agenor Maria e Henrique Alves.

Carros de som da campanha extravazam, libera e deixa a tampa voar...

Também é grande a reclamação nas redes sociais com relação aos carros de som.

Precisou de medicamentos ligue ou passe na Drogaria São João em Cerro Corá/RN


A Drogaria São João aumentou ainda mais seus serviços a população Cerrocoarense, além de receber sua conta de água, luz e boletos bancários, agora é farmácia popular com medicamentos oferecidos pelo governo federal para hipertensos, diabéticos e asmáticos.

Os serviços de farmácia popular oferecidos a população você encontra na Drogaria São João aberta diariamente para lhe servir bem atendemos pelo telefone 3488 2487

Presidenciável Marina Silva deve visitar Natal na próxima semana

Depois de Fortaleza/CE e João Pessoa/PB, a presidenciável Marina Silva (PSB) já programa as visitas a mais duas capitais nordestinas: Recife/PE e Natal/RN. Segundo um dos coordenadores de campanha, o ex-deputado Cláudio Porpino, a agenda ainda não está fechada, mas Marina deve aportar em terras potiguares na próxima semana. 
 
Pelo interior do Estado a leitura que se faz é de que a candidata ao senado Wilma de Faria (PSB) colocará uma dianteira na concorrente Fátima Bezerra (PT) na reta final da campanha. E com a possível vinda ao seu palanque da presidenciável Marina da Silva o negócio melhorará muito.

Translate